PROJETO DE LEI PARA REGULAMENTAR A LEI ROUANET

download (18)A Lei Rouanet está mesmo dando o que falar. Por essas e por outras que muito deputado começa a olhar mais para a cultura, o que para os trabalhadores do setor, isso bom. Mas será que, assim como as matérias plantadas na mídia, a criação de novas leis não tem apenas motivos politiqueiros?

Neste movimento que o deputado federal Benjamin Maranhão (SD) apresentou nesta quarta-feira (24), no Congresso, Projeto de Lei (Nº 4526/2016) para proibir a captação de recursos a eventos culturais que gerem lucro, através da Lei Rouanet. O objetivo é garantir a democratização de acesso ao incentivo criado pelo Governo em 1991 para estimular a produção cultural nacional.

Você pode aqui ouvir meu podcast onde falo sobre O QUE É A LEI ROUANET.

É preciso entender o que é a lei, como funciona, quais os benefícios e beneficiados. Vejo como muito negativo as matérias aos montes falando da Claudia Leite como se a lei se resumisse a isso ou que estes tipos de projetos. Não, isso não é verdade.São mais de 3 mil projetos, em todo o Brasil sendo aprovados anualmente e menos de 10% com figuras como a “Claudinha”. Mas, se olharmos o outro lado, talvez seja uma oportunidade para discutir, na grande mídia, como funciona e quais são as necessidades da cultura. E principalmente, a votação e a criação de leis que vão ajudar a melhorar esse cenário.

O deputado federal Benjamin Maranhão (SD) apresentou o Projeto de Lei (Nº 4526/2016) para proibir a captação de recursos a eventos culturais que gerem lucro, através da Lei Rouanet. O objetivo é garantir a democratização de acesso ao incentivo criado pelo Governo em 1991 para estimular a produção cultural nacional. Ele sugere que seja acrescido o inciso 4º ao artigo 2º da Lei Rouanet, vedando a concessão do benefício aos projetos com essas características. Segundo ele “Não podemos acreditar que artistas consagrados, que arrastam multidões e faturam milhões, precisem da lei de incentivo à cultura. Esse instrumento deve ser utilizado para promover projetos que necessitem de estímulo para acontecerem e que possam, de fato, contribuir com a propagação da arte e da cultura do nosso povo”.

A lei é sim para todos e não vejo problema, legal, que a Claudia Leite tenha aprovado um projeto. O problema talvez seja moral, mas para isso serão anos de educação pela frente, outra história. Mas não podemos esquecer que ela não é a única, que o valor era baixo e que nem tinha captado. Agora então já cancelou, pronto. Mas pela lei já passaram Zeca Pagodinho, Cirque du Soleil, Zélia Duncam, Fernanda Montenegro e tantos outros atores globais. A lei é para todos e por isso estão em seu direito. O que precisa é de regulamentação. Regulamentação agora proposta pelo deputado Benjamin Maranhão.

A única questão que devemos pensar, discutir e acompanhar é “como será a avaliação do GERAR LUCRO? “. Tudo na cultura é muito subjetivo e sem condições de métricas pré estabelecidas. Existem projetos caríssimos e de grande valor cultural, que necessitam de apoio do governo, é assim em todo o mundo. Mesmo que cobrem ingresso. Esse é o caso de praticamente todos os museus do mundo.  Para muitos, fazer algo gratuito a principio, pode ser bom como marketing e num futuro ser usado como gerador de receita, veja marketing com dinheiro público.

Ficam então as perguntas: Como serão estas avaliações? A própria Claudia Leite poderia então entrar com um projeto onde não cobrasse nada? A lei será só pra quem é pobre e não tem dinheiro?  Uma pessoa famosa não poderá apresentar projetos? Isso não é violar a constituição quando excluímos se pobres ou ricos? E ainda assim, qual a métrica para definir isso? Talvez, não seria melhor aprovar algo, que está sendo proposto há anos, onde a grande diferença está no tamanho das porcentagens? Onde as Claudias Leites poderiam participar, mas por pontuação, levando em conta N fatores, seria aprovada mas a empresa teria somente 10 ou 20% de desconto, enquanto um cantor que estivesse em início de carreira tivesse 100%?

Enfim, as discussões sobre a cultura não começaram agora, há mais de 12 anos tem muita gente discutindo seriamente todas as nuances, caminhos e “se” deste setor tão importante para o desenvolvimento de um país. Estamos caminhando, um dia de cada vez. Mas muito já se andou. Poderia inclusive sugerir aos jornalistas e deputados de plantão que fizessem uma pesquisa sobre o Plano Nacional de Cultura.

Gostou? Curta e comente. E principalmente COMPARTILHE, conhecimento tem que circular.

INTELIGÊNCIA NA ELABORAÇÃO E GESTÃO EM PROJETOS – CURSO PRESENCIAL EM JANEIRO DE 2016

Você que queria muito meu curso presencial olha ele aí. Dias 16 e 17 de janeiro, em São Paulo nós poderemos nos encontrar e falar sobre a INTELIGÊNCIA NA ELABORAÇÃO E GESTÃO DE PROJETOS. Essa é minha primeira agenda para o ano de 2016 e quero te ver por lá.

12187673_10154386991478712_7530135820567049477_nFalaremos sobre:

  • Escolher a ideia,
  • Construir o esboço,
  • Utilizar o MÉTODO**
  • Escrever o projeto
  • Leis de incentivo e editais
  • Plano de Mídia
  • Captação de recursos
  • Execução/ Gestão
  • Finalização
  • Prestação de contas
  • Extras

Um curso imperdível para quem quer realmente aprender a fazer projetos reais, factíveis, criativos e inteligentes. Um curso para quem não quer só escrever e aprovar projetos mas que quer executar, captar e realizar o que está proposto.

No curso, além de me basear pelas técnicas do PMI (Um instituto que pesquisa e define parâmetros para o gerenciamento de projetos), utilizo também o modelo de construção do Canvas que é aquele famoso construtor de idéias que trabalha como os post-its.

Agora o mais legal que tenho pra te oferecer é o meu MODELO exclusivo de construção de projetos onde você realmente fixa o conteúdo e aprende na prática como fazer.

Para todos os que se inscreverem tenho 04 bônus:

  1. *Kit de planilhas e modelos para construir seus projetos.
  2. *Agenda de editais para 2016
  3. *E-Book – Divulgando projetos e eventos nas redes sociais.
  4. *Vídeo exclusivo: “Crowndfunding

E ainda um quinto bônus SURPRESA mas muito útil para o produtor cultural e de eventos.

TÓPICOS:

O que é um projeto – DA IDÉIA À EXECUÇÃO – Pesquisa de mercado – ESCOLHENDO O PROJETO – Justificativa – OBJETIVOS – Etapas de um projeto – GESTÃO DE PESSOAS – Gestão de materiais – LOGÍSTICA –  Gestão de riscos – GESTÃO DE RECURSOS FINANCEIROS –  Estrutura de trabalho – PLANILHAS – Indicadores de desempenho – PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO – Plano de Mídia – CAPTAÇÃO E MOBILIZAÇÃO DE RECURSOS – Contratações – LEIS E LICENÇAS – No papel – ADEQUAÇÃO À LEIS DE INCENTIVO, EDITAIS, EMENDAS E OUTROS – Execução e gestão – AVALIAÇÃO – Diversos.

Então se você é da área de projetos, eventos, cultura, entidades sociais, comunicação, marketing, produção, artes etc se inscreva agora para receber as informações completas desse curso:  faça aqui sua inscrição. Para todos os que se inscreverem até o dia 15 de dezembro o desconto será de 20% do valor total. Acompanhe as informações.

Compartilhe com seus amigos. 😉

NÃO EXISTE PRIVACIDADE NENHUMA NA INTERNET #FATO, MAS NÃO TENHA MEDO E NÃO DEIXE DE USAR

office-583839_640Você sabe usar e entende o que é a internet? Tem medo ou não de usar a internet? Usa para divulgar e melhorar sua performance em projetos e eventos?  Quer aprender isso sem pagar nada? Fique aqui comigo que vou falar muito sobre esse assunto.

A primeira coisa que quero te falar é que  A INTERNET É COMO UMA PRAÇA DA SUA CIDADE, é ali que as pessoas se encontram e tudo pode ser visto por todos.

Tenho acompanhado matérias, pesquisas, publicações e notícias sobre a internet. Não só pra negócios mas também a utilização no dia a dia. Vejo que milhares e milhares de pessoas ainda não entenderam o que é realmente a internet. Então a segunda coisa que quero te contar é que A INTERNET NÃO É SEGURA E TODOS PODEM VER O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO. A qualquer momento tudo pode “vazar”. Cada palavra, cada foto, cada publicação ou conversa em redes sociais, mensagens, emails etc deve ser muito bem pensado. Pense sempre: “se isso vazar o que acontecerá comigo e minha imagem?”.  Não faltam casos onde pessoas mandam “nudes” para outras e essas fotos vazam, não falta pessoas que falam mal das outras e sem querer erram e enviam para o “mal falado” ou alguém faz isso. Não faltam hackers que invadem contas, copiam dados, roubam documentos etc. São inúmeros os perfis falsos e pessoas sendo enganadas. Uma adolescente já se suicidou porque o namorado publicou a foto dela com os seios de fora, políticos já caíram, casamentos acabaram, pessoas foram demitidas e muito mais.

A terceira informação que acho pertinente é que  A INTERNET É AINDA UMA CRIANÇA QUE ESTÁ DESCOBRINDO O MUNDO, AS OPORTUNIDADES SÃO GIGANTES. Ainda que muitos jovens achem que sempre existiu, ela é relativamente nova. Começou mesmo a funcionar efetivamente e para o público a partir 1993, ou seja 22 anos. E mesmo assim, só em 2002 começou a crescer com números expressivos. Por isso você ainda tem muito o que fazer, descobrir e criar. Basta ter idéias, colocar o cérebro para trabalhar.

Submarine_cable_map_umap

Cabos submarinos para interligar a internet (fonte Wikipedia)

Mas a quarta, e pra mim a  mais importante, informação que vou te falar é que A INTERNET VEIO PARA FICAR E ELA É IMPRESCINDÍVEL. Ela interliga milhões de computadores em todo o mundo. Suas redes e possibilidades só aumentam. Os celulares estão todos conectados. São milhares de conexões em todo o mundo. Queira ou não você precisa estar conectado. E quando falo de internet não falo só de mídias sociais. O universo é gigante e incrível.

A internet é muito mais que isso e a cada dia está em mais e mais soluções do dia a dia.  É NECESSÁRIO ENTENDER E APRENDER A USAR A INTERNET.

E se seu ramo de trabalho é na área de eventos ou projetos, é ainda mais essencial esse uso. O PÚBLICO ALVO PARA PROJETOS E EVENTOS ESTÁ CONECTADO.

Continue seguindo meus posts e pouco a pouco vou falar sobre cada uma das possibilidades, sobre cada uma das redes sociais, sobre sites e blogs, ferramentas gratuitas etc. A nova era do marketing 3.0 está conectada. Fique também. QUERO TE ENVIAR SEMPRE INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE PROJETOS, EVENTOS E MUITO MAIS e isso eu só compartilho com quem é VIP. Para isso faça aqui sua inscrição para participar também.

Gostou? Curta, compartilhe e divulgue. Informação tem que ser circular. 😉

REAPRENDENDO A CRIATIVIDADE COM AS CRIANÇAS

84363c26ccab76f0aa2dde02fcb39cec.47d3c9d823b9ae01024bf6c0677a8354Meninas e meninos,

Dizem que todos nós já temos criatividade, somos criativos. Mas que temos que exercitar isso. Então, o que podemos aprender com as crianças com relação a criatividade? Tudo. Ou, no mínimo muito.

Estamos no mês de outubro e dia 12 comemoraremos o dia das crianças. Muita gente começa a mudar suas fotos no Facebook para colocar aquelas de quando eram crianças. Pais pensam em presentes. Professores e escolas preparam suas comemorações. Enfim diversas homenagens a estes pequeninos que nos fazem mais felizes.

Porém, acho que, muito mais do que homenagear, precisamos resgatar esta qualidade de “ser criança” que é muito mais do que “ser pequeno, dependente, engraçadinho e bonitinho”. “Ser criança” é ser livre principalmente para pensar. Se hoje fôssemos livres como já fomos quando crianças poderíamos ter muito mais sucesso e felicidade.

Criatividade é inventividade, inteligência e talento, natos ou adquiridos, para criar, inventar, inovar, quer no campo artístico, quer no científico, esportivo, dia a dia etc. Mas para mim, a melhor definição de criatividade é de Anderson**: “CRIATIVIDADE REPRESENTA A EMERGÊNCIA DE ALGO ÚNICO E ORIGINAL”. E é justamente este “criar” na “emergência, na dificuldade ou necessidade” que a criança realiza sem obstáculos no pensamento e principalmente na ação. Não ficam arranjando culpados ou colocando empecilhos. São livres e por isso desenvolvem sempre algo original e único mas que principalmente resolve o problema, atende a demanda e é independente.

@Eu queria alguns brinquedos – Quando era pequena, queria brincar de servir comidinhas, cozinhar em panelinhas comidas imaginárias etc mas não tinha estes brinquedos. Resolvi então confeccionar o que eu queria. Peguei um papel, cortei com as mãos mesmo, dobrei e enrolei até que viraram panelinha, pratos, talheres e copos. Aí brinquei muito. Não importava se era de papel e simples ou de plástico e comprado na loja, precisava ser brinquedo. Conquistei o objetivo, resolvi o problema.

Ela queria viajar com tranquilidade – Minha sobrinha de 10 anos, ia ter prova na sexta-feira mas também neste dia deveria viajar para São Paulo. Em casa, conversou isso com a sua mãe que disse que iria resolver com a escola e ver como faria. Mas que em último caso, disse que poderia viajar a noite, na sexta. Porém, minha sobrinha disse tinha que viajar para outro lugar no sábado e argumentou que ficaria muito cansada. Isso era um domingo. Na quarta, minha irmã foi falar com a diretora para ver sobre a liberação para ela fazer a prova antes. Porém, quando chegou a diretora disse que ela estava “atrasada”. Que minha sobrinha pediu licença para a professora, foi até lá e já tinha argumentando a “extrema” necessidade de fazer a prova antes e que ainda na sexta precisaria ir sem uniforme pois de lá já iria viajar. Negociou estes termos com a diretora e conseguiu. Não teve o pré-conceito da idade ou do medo da autoridade. Sabia que tinha esse poder e esse direito e ela, com 10 anos, foi lá e conquistou o objetivo e resolveu o seu problema.

Ela queria cuidar da gatinha machucada – A filha de uma amiga no Facebook, vendo que sua gatinha estava machucada. Foi ao banheiro, pegou papel higiênico e “enfaixou” a gata. Lembrou de como sua mãe fazia e resolveu com criatividade a questão do cuidado médico. Conquistou o objetivo e resolveu o problema, (ou quase rrsss).

E se ficarmos aqui conversando e contando lembraremos de histórias assim. Histórias nossas, de pessoas próximas ou de casos que ouvimos. Mas a principal lição é que as crianças usam tudo que é possível para “alcançar seus objetivos e resolver seus problemas”. Seja de forma mais simples, decidida ou engraçada. As crianças são independentes e com sua pouca vivência sabem bem o que querem e lutam pra conquistar. Mesmo que não seja da melhor forma e muitas vezes causando acidentes, as crianças são livres e obstinadas.

De verdade, os pais e a sociedade, na minha opinião, é que muitas vezes estragam a criança e quando ela vira adolescente, jovem ou adulto
ficam dependentes, inseguras e sem perspectivas. Conheço por exemplo diversos jovens com mais de 18 anos que seus pais que resolvem tudo na escola, das viagens. Tem pais que os filhos já tem mais de 20 e ainda compram suas calcinhas e cuecas. Tem pais que ainda sustentam seus filhos com mais de 30 anos. Enfim “amam demais”, tornam os filhos dependentes e cada dia mais sem autonomia, sem liberdade, sem criatividade.

Agora, imagina nós, com o conhecimento e vivência que já temos, se agirmos com a liberdade e obstinação das crianças, livres de pré-conceitos? Seremos pessoas muito mais criativas. Se tivermos o olhar da criança para o problema, poderemos achar soluções simples, descomplicadas, baratas, inovadoras e principalmente muito criativas.

O principal para ser criativo é lembrar que o mais importante é conseguir chegar nos objetivos e que para isso, as variáveis mais estranhas e não usuais podem ser uma solução. Não aceitar o “não”, o “é impossível”, o “já tentamos”, o “não é por aí” e tantas outras frases, regras e opiniões negativas, obsoletas ou bitoladas. O objetivo é conquistar o resultado, um resultado único.

Vamos observar e ser mais criativos. 🙂

QUERO TE ENVIAR SEMPRE INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE PROJETOS, EVENTOS E MUITO MAIS e isso eu só compartilho com quem é VIP. Para isso faça aqui sua inscrição para participar também.

**(ANDERSON, H. H . On the meaning of creativity. In ANDERSON, H. H. (org.). Creativity in childhood and adolescence. Palo Alto, CA: Science and Behavior Books. 1965.)

3 PONTOS PRINCIPAIS NA ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS

Meninas e Meninos,

IMG_8074Como prometido no Periscope segue algumas considerações sobre eventos. Abaixo identifiquei três pontos mais importantes que darão início e continuidade a toda projeção e organização.

🙂  –  01 – Toda organização de evento começa com a definição e avaliação do público alvo. É a partir dessa definição e análise que tudo será projetado. Material gráfico, local, formato, conteúdo, decoração, atrações culturais e recreativas, alimentação, cores etc.

🙂  – 02 – Siga os mesmos passos da elaboração do projeto para pensar no seu evento. Muita gente acha que para realizar um evento não há necessidade de escrever também um projeto, mas há sim. O projeto é o documento que dá o norte para a realização do mesmo. Recursos humanos, recursos materiais, logística, recursos financeiros, cronograma, stakeholders etc estarão descritos. Escreva o documento (projeto) do seu evento.

🙂 – 03 –  Pesquise cada ítem e tente criar o maior diferencial possível. Eventos existem aos milhares, idéias também. Coisas interessantes não estão faltando. Então você tem que pesquisar, pensar e encantar. E lembrar sempre que o “diabo” mora nos detalhes. É nessa hora que você pode encantar. Os mínimos detalhes, os “amenities”, a exclusividade.

E hoje são estas. Mas teremos muito mais para falar sobre eventos. QUERO TE ENVIAR SEMPRE INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE PROJETOS, EVENTOS E MUITO MAIS e isso eu só compartilho com quem é VIP. Para isso faça aqui sua inscrição para participar também.

Gostou? Comente, curta e compartilhe. Vamos fazer circular informação. Namastê

10 DICAS MUITO IMPORTANTES PARA VOCÊ CONSTRUIR UM PROJETO

Meninas e Meninos,

IMG_4761 - CópiaMuita gente me pergunta qual o primeiro passo ou quais passos principais para se escrever um projeto. Segue então 10 dicas e comentários que acho que pode ajudar um pouco:

1 – Um projeto é um planejamento, uma receita (uma receita de bolo como digo sempre). É o passo a passo para que você realize o que pretende. Pode ser um projeto de uma festa, de comprar um carro, de fazer uma ação social, de lançar um livro, de construir uma casa etc. Para qualquer uma dessas ações você deve pensar em todos os detalhes e colocar isso no papel.

2 – Faça um projeto que tenha a ver com sua carreira, sua vida, sua realidade. Não adianta fazer um projeto “Totalmente Saudável” se você não consegue ficar longe das guloseimas. Não adianta fazer um projeto de engenharia se seu conhecimento é de culinária. Não adianta querer fazer projetos de dança se você só entende de música. Para isso primeiro você tem que aprender sobre o assunto e depois elaborar o projeto. Ou, conseguir uma parceria de alguém especialista no assunto que possa te ajudar.

3 – Tenha muito claro o ESCOPO do projeto. Escopo é o ponto ao qual quer chegar. O que você quer atingir. É exatamente o que é o seu projeto. Poderíamos dizer que é o Objetivo Geral misturado com a Definição. Mas é a partir dele que você constroe todo o resto. Não é só “lançar um livro” mas é porque e o que quer com esse lançamento.

4 – Definir e entender as necessidades e interesses dos STAKEHOLDERS (todas as pessoas que estão ligadas direta ou indiretamente ao seu projeto e tem interesse no mesmo). Essa parte é fundamental para uma série de ações na hora de escrever e definir o passo a passo da execução do projeto.

5 – Fazer um “Toró de Palpites” e responder os “Q’s” – O que é o projeto? O que você quer com o projeto? Onde acontecerá? Quem participará? Como vou falar disso? O que preciso? Quando preciso? Quanto preciso? etc

6 – Começar a colocar tudo no papel descrevendo, inclusive, os custos envolvidos em cada necessidade e cada passo.

7 – Ter estes principais ítens na descrição:

***RH – Recursos Humanos envolvidos – todos os prestadores de serviço, profissionais etc.

*** RM – Recursos Materiais necessários – tudo o que vai comprar, alugar, emprestar, construir etc.

*** Logística – como vai hospedar, transportar e alimentar o RH e como irá transportar e distribuir os RM.

*** Recursos Financeiros – quanto e de onde virá o dinheiro para esse investimento.

*** Plano de Comunicação – a comunicação deve ser funcional para os Stakeholders. Todos devem saber de suas funções e responsabilidades além do andamento do projeto. Isso é fundamental para o sucesso.

*** Pensar e criar um eficaz sistema de conferência, de monitoramento.

8 – Escrever o CRONOGRAMA (cronos = tempo) – definir quando e como cada ítem será realizado e quem será a pessoa responsável por ele.

9 – Ler e reler para ver se ainda falta algo e se tudo tem coerência.

10 – Avaliar riscos e se for necessário acrescentar despesas e necessidades para um plano B, C ou D.

E é isso. Observar ítens antes de escrever o projeto e antes de executar evita muitos problemas. Os detalhes são importantes, não os perca de vista.

Gostou? Curta, comente e compartilhe. Siga esse blog. QUERO TE ENVIAR SEMPRE INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE PROJETOS, EVENTOS E MUITO MAIS e isso eu só compartilho com quem é VIP. Para isso faça aqui sua inscrição para participar também.  🙂

05 PASSOS PARA ESCOLHER E EXECUTAR AS MELHORES IDÉIAS

Meninas e meninos,

IMG_4901O mundo dos projetos e eventos é muito concorrido. Para ter maior possibilidade de sucesso é importante criar diferencial e se destacar. Para melhorar a performance, além da idéia sobre o que vai fazer, é importante que estas idéias sejam realmente inovadoras e criativas.

Todos os dias temos idéias aos montes. Muitas vezes estamos fazendo o “brainstorm (tempestade cerebral)”, ou “toró de palpites” como dizemos lá em Minas, na hora de construir projetos e eventos e elas também não nos faltam. Mas muito além de ter idéias precisamos também colocar em prática. E colocar principalmente aquelas que nos darão os melhores resultados.

E por isso segue abaixo 05 passos para melhorar esse processo:

  1. Para ter uma boa idéia tenha muita idéias. Não desista só porque já pensou em um diferencial. Continue com o “toró de palpites” e tenha na lista pelo menos três boas idéias.
  2. Das idéias selecionadas faça uma pesquisa na internet para saber se algo parecido já foi feito. Pesquise onde puder. Anote estas informações.
  3. Volte com as idéias e a pesquisa para uma revisão e avaliação. Trabalhe em equipe
  4. Decida então se vai usar uma das ideias, se vai reformular ou se vai começar tudo de novo.
  5. Assim que decidir comece a trabalhar usando a idéia, não só pra ter um diferencial, mas também para criar algo que encante os seus parceiros e clientes. Esse pensamento de qualidade constante é também uma boa idéia.

PULO DO GATO : Dê um passo, confira. Dê outro passo, confira. Vá passo a passo avaliando se tudo está saindo como planejado. Muitas pessoas executam ações em projetos e eventos sem conferir e isso pode ditar o sucesso ou o fracasso do que foi proposto.

Uma idéia posta em prática passa a ser fundamental para o sucesso do projeto ou do evento. Por isso é importante que você viaje nos pensamentos e pense em muitas coisas na hora de ter idéias. Mas é importante que na hora da aplicação efetiva tudo seja muito planejado e organizado.

Um projeto ou evento com boas idéias não é tão fácil assim como parece. Tenha a consciência e a certeza de que o caminho certo foi escolhido.

QUERO TE ENVIAR SEMPRE INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE PROJETOS, EVENTOS E MUITO MAIS e isso eu só compartilho com quem é VIP. Para isso faça aqui sua inscrição para participar também.

Você gostou? Curta, comente e compartilhe. Namastê. 😉

(quase) TODOS OS DIAS NO PERISCOPE Check List COM Marília de Lima – BATE PAPO DOS PROFISSIONAIS DE PROJETOS E EVENTOS

Meninas e meninos,

unnamedMe rendi mais uma vez a outra rede social, agora o PERISCOPE. Realmente tenho me apaixonado pelas possibilidades de comunicação que estas redes nos proporcionam. Projetos e eventos são duas matérias que exigem atualização constante e nada melhor do que as redes sociais, cada vez mais ao vivo, pra nos ajudar com o que acontece. Por isso criei lá no Periscope um bate papo chamado “Check List” onde (quase) diariamente converso com profissionais da área, para debater sobre nosso segmento.

No CHECK LIST você pode participar com opniões ou perguntas sobre o tema do dia ou mesmo sobre outros assuntos que lhe interessem em Projetos e Eventos. Não tem hora certa para esse ‘chat ao vivo’ mas se você me seguir no @eumariliadelima toda vez que eu estiver on line você receberá um aviso. Além disso você tem até 24 horas para assistir depois da gravação. E se tiver dúvidas ou comentários pode participar ao vivo e conversar comigo ou, se assistir depois, mandar no mariliadelima@gmail.com que aí comento no dia seguinte.

E para quem ainda não sabe como fazer para usar o PERISCOPE é só dar um “Google” e pesquisar. E se você não sabe como utilizar o aplicativo para seus projetos e eventos veja esta matéria que escrevi sobre o assunto: DICAS PARA USAR O PERISCOPE PARA PROJETOS E EVENTOS

Então está avisado, te espero diariamente no meu canal no Periscope: CHECK LIST com MARÍLIA DE LIMA – endereço: @eumariliadelima

QUERO TE ENVIAR SEMPRE INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE PROJETOS, EVENTOS E MUITO MAIS e isso eu só compartilho com quem é VIP. Para isso faça aqui sua inscrição para participar também.

Gostou? Curta, comente, siga este blog, divulgue para os amigos. Obrigaduuuuu 🙂   😉

ENCONTRO ON LINE FALA SOBRE A CRIAÇÃO DA “REDE COLABORATIVA DE PRODUÇÃO CULTURAL”

Meninas e meninos,

@REDEDEPRODUÇÃOAmanhã, dia 11 de agosto, às 20 horas estaremos on line, via Hangout, para falar sobre o projeto  REDE COLABORATIVA DE PRODUÇÃO CULTURAL. É um projeto de Crowdsourcing* onde as pessoas se organizam e, juntas, criam soluções ou produtos para uma determinada necessidade. O nosso objetivo será facilitar a circulaçao de eventos e realização de projetos em todo o país.  Será o primeiro encontro da  Rede. A transmissão será através do link https://plus.google.com/events/cp4fsnbi278hb35utjr0hvk5pdo e para assistir e participar as pessoas tem que estar logadas no Google+. Poderão assistir também via Periscope no @eumariliadelima.  Posteriormente o vídeo será disponibilizado para os interessados.

Quem participar irá ajudar a definir os caminhos e ajudar a construir melhor: a idéia, possibilidade de formatos, como fazer. Quem participar e quiser continuar no projeto já se tornará um membro da equipe nesta construção conjunta.

Será apresentado a proposta do evento que acontecerá em dezembro, num encontro presencial com variados convidados e debates sobre o tema da PRODUÇÃO, PROJETOS E EVENTOS CULTURAIS NO BRASIL e paralelo acontecerá a primeira FEIRA DE NEGÓCIOS DE PRODUÇÃO CULTURAL.

Unindo produtores, artistas e fornecedores de todo o Brasil a rede pretende criar um canal para partilhar informações, troca de conhecimento, divulgação de projetos e eventos, contratações, orçamentos, parcerias e muito mais, em tempo real. O objetivo é tornar mais fácil a circulação por todas as regiões de atividades culturais como artes plásticas, artes cênicas, música, literatura, cursos, palestras, circulação de projetos e eventos etc.

Vamos criar uma rede funcional de pessoas que interajam umas as outras realizando negócios e parcerias imediatas. Uma rede que trabalhará para que cada um tenha uma mão dupla de possibilidades, de oferecer informação e de receber informação. Tudo no menor tempo possível de resposta e num formato onde todos sejam beneficiados. Informação de espaço de eventos, imprensa, prestadores de serviço, artistas, produtores, fornecedores, editais, leis de incentivo, projetos, programação cultural, festivais, hoteis, locações, gráficas etc.

VOCÊ PODE PARTICIPAR E AJUDAR A CONSTRUIR E REALIZAR ESSE PROJETO. Faça contato. mariliadelima@gmail.com

*Crowdsourcing é um modelo de criação e/ou produção, que conta com a mão-de-obra e conhecimento coletivos, para desenvolver soluções e criar produtos. 

Gostou? Curta e comente. Aproveite e compartilhe para seus amigos também. Conhecimento tem que circular.

AGOSTO, MÊS DO CACHORRO LOUCO OU DO DESGOSTO? VOCÊ DECIDE!

Meninas e meninos,

136521852595510Chegou “agosto”, ou “augustus”, mês que recebeu esse nome do imperador Cesar Augusto, que resolveu fazer essa homenagem pra ele mesmo. Modesto né? #sqn

Este é um mês de muitas crenças e de muita conversas ao pé do ouvido. Por exemplo, evite reuniões e encontros, principalmente os românticos, com os argentinos ou argentinas. Para eles, é um mês que não se deve lavar os cabelos pois está atraindo a morte. Não sei se todos seguem esta supertição, mas, por via das dúvidas cuidado. 🙂

Mas porque dizem que é o mês do cachorro louco??? Porque há um índice de que as cadelas entram no cio nesta época por causa do início da mudança da temperatura. Aí os cachorros ficam loucos, brigam e se tornam raivosos na disputas pelas “cachorras”.

Também é um mês que dizem ser do desgosto pois em muitas partes do mundo coisas ruins aconteceram neste oitavo mês. No Brasil perdemos os presidentes Getúlio Vargas e Juscelino Kubitscheck  neste mês. Foi em agosto que Hitler se tornou o chefão da Alemanha. Foi em agosto que Catarina de Medice massacrou milhares de pessoas na França. No Japão Hiroshima e Nagazaki foram destruídas por bombas atômicas e por aí vai. E é tanto que nem pense em querer casar com um português nessa época que pra eles ou dá azar, ou se fica viuvo ou não acontecerá a lua de mel. Tem país que acredita até em fantasmas, bruxas e outras atividades sobrenaturais.

Mas, assim como todo dia, toda hora e todo mês, o tempo será o que você fizer dele. Eu estou entrando a mil neste mês e prometo muito conteúdo por aqui. Estou esquentando os motores ou os tambores para “quando entrar setembro e a boa nova andar nos campos”.

Inté, nos vemos por aqui.

bju e cuidado com o cachorro louco, vire a roupa do avesso…..